skip to Main Content
FACULDADE CREDENCIADA PELO MEC.
(88) 99782-4520 / 3529-1586 contato@fasec.com.br

Pedagogia

Sobre o Curso Pedagogia - FASEC

Oferecer uma formação acadêmica e profissional integral que desenvolva postura ética, crítica e científica, proporcionando ao acadêmico em pedagogia um desenvolvimento psicossocial autônomo e consciente de seu papel no exercício da docência na Educação Infantil, anos iniciais do Ensino Fundamental, disciplinas pedagógicas de cursos de formação em nível médio e Educação Especial, na gestão pedagógica e educacional, no âmbito escolar e institucional. Qualifica também para o trabalho em instituições não escolares e não formais. Faz parte dessa formação profissional a experiência investigativa, bem como de reflexão acerca de aspectos políticos e culturais da ação educativa.

O projeto pedagógico do curso de Pedagogia da Faculdade do Sertão Central – FASEC, com vistas ao cumprimento de sua MISSÃO norteia-se pelos seguintes princípios:

  1. Reconhecimento do espaço cooperativo do homem como base fundamental da sociedade democrática justa, buscando enfatizar o estudo da complexidade humana nas organizações, considerando o Homem como ser de pensamento e de palavra enraizado no espaço e no tempo; como ser de desejo e que se constrói nas suas relações com o outro e que não pode reduzir-se apenas a um objeto ou uma variável controlada nas organizações;
  2. Os conhecimentos transmitidos pelo curso serão desenvolvidos obedecendo a necessidade do estreito relacionamento com o contexto atual, realidade regional e às ações do Estado e ao próprio processo de governabilidade;
  3. Vinculação do ensino de Pedagogia às ciências sociais, dentro de um enfoque interdisciplinar, evitando um reducionismo teórico-pedagógico. É impossível para à Pedagogia, como área de conhecimento humano prescindir-se das Ciências Sociais;
    Ênfase na interdisciplinaridade, que contem a ideia da formação integrada e passa pelo crescente processo de socialização;
  4. Os estudos que o curso se propõe a desenvolver só poderão ser enfrentados dentro de uma visão interdisciplinar que, indo além das categorias específicas do conhecimento e da área específica do curso de Pedagogia, abarque todas as nuances e desafios do entendimento de problemas temáticos;
  5. Ênfase no ensino interdisciplinar, como uma atividade verdadeiramente científica, relacionando a Pedagogia com outras ciências e com saberes necessários à sua compreensão, tornando-a capaz de desvendar as relações sociais subjacentes às normas e às relações organizacionais públicas e\ou privadas, fornecendo aos estudantes, novos métodos de trabalho em equipe, ao lado de disciplinas novas e/ou reformuladas, sempre referenciadas pelo projeto pedagógico do curso;

Ao lado desse conjunto de princípios, que entreabre a problemática metodológica e epistemológica da própria reflexão da Pedagogia, surgem as demandas de “novos sujeitos”, num mundo de embates coletivos. São grandes grupos internacionais, grandes conglomerados transnacionais, grupos de países que se unem por conveniências econômico políticas, grandes sindicatos, ao lado da emergência de grupos organizados (governamentais e não governamentais) que transcendem fronteiras e que lutam por transformações sociais, políticas e econômicas.

Mercado de Trabalho/Campo de Atuação

A partir do perfil do Licenciado em Pedagogia, a Faculdade do Sertão Central – FASEC  projeta o campo de atuação profissional nas seguintes funções:

  1. De Docência (ação educativa e processo pedagógico escolar e extraescolar)
  1. Na educação Infantil: O cuidado educativo de crianças de zero a cinco anos;
  2. No Ensino Fundamental (Nos anos iniciais): O fortalecimento das aprendizagens de crianças de 6 a 10 anos;
  3. No Ensino Médio: O aprofundamento das aprendizagens nas disciplinas pedagógicas;
  4. Na Educação de Jovens e Adultos: O acompanhamento e a promoção de aprendizagens nesta modalidade;
  5. Na Educação Especial: O cuidado educativo e a promoção de aprendizagens nesta modalidade;
  6. Na Educação Indígena: a promoção da consciência do nosso ethos cultural aborígene;
  7. Na Educação Afrobrasileira: promoção de apredizagens multiculturalistas.
  1. De Profissionalidade Específica (apoio escolar e serviços pedagógicos profissionais)
    Em qualquer área onde sejam pertinentes conhecimentos pedagógicos, sejam organizações ou instituições escolares e não escolares, não governamentais e públicas, privadas e/ou confessionais, a(o) Pedagoga(o) poderá exercer sua especificidade como:
  1. Gestora de Sistemas Educativos;
  2. Coordenadora Pedagógico;
  3. Supervisora Educacional;
  4. Orientadora Educacional;
  5. Assessor Pedagógico;
  6. Avaliadora Educacional;
  7. Pesquisadora Educacional;
  8. Produtora de Materiais Didáticos;
  9. Interlocutoar de cultura.
  10. Equipes de CRAS;
  11. Equipes Hospitalares e Pedagogia Empresarial
Informações

Matriz de Disciplinas do Curso de Graduação em Pedagogia (Formação Inicial)

Matriz de Disciplinas do Curso de Graduação em Pedagogia (Formação Inicial)

I PERÍODO  
COMPONENTES CURRICULARES Teoria + Prática  
Antropologia da Educação 60 0  
Teorias da Educação 60 0  
Filosofia da Educação 60 0  
História da Educação 60 0  
Leitura e Produção Textual 60 0  
  280 20  
SUB-TOTAL 300  

II – PERÍODO

DISCIPLINAS Teoria + Prática Total
Psicologia da aprendizagem 60 60  
Sociologia da Educação 60 60  
Metodologia Científica 60 60  
Recreação e Desenvolvimento Psicomotor 50 10 60
Princípios e métodos da educação infantil 50 10 60
SUB-TOTAL 280 20 300

 III PERÍODO

DISCIPLINAS Teoria + Prática  
Alfabetização e letramento 50       10  
Avaliação da aprendizagem 60 0  
Educação inclusiva e necessidades educacionais 50 10  
Literatura Infanto-Juvenil 60 0  
Didática do Ensino 50 10  
  270 30 300

 

IV – PERÍODO

DISCIPLINAS Teoria + Prática Total
Prática Profissional Orientada I 60 60 120
Estrutura e Funcionamento da Educação Básica 60 0 60
Neurociências 60 0 60
Gestão Escolar e Coordenação Pedagógica 60 0 60
Educação e novas tecnologias 60 0 60
Geografia, conteúdo e metodologia 50 10 60
  370 70 410

 

V PERÍODO

DISCIPLINAS Teoria Prática Total
Arte e Educação 50 10 60
Currículos, programas e planejamento educacional 60 0 60
Liderança 60 0 60
História, conteúdo e metodologia 60 0 60
Prática Profissional Orientada II 60 60 120
Estágio Supervisionado Obrigatório I – Educação infantil(*)   130 130
Total 250 210 630
PERÍODO DISCIPLINAS Teoria Prática Total
VI Matemática, conteúdo e metodologia I 60 0 60
Empreendedorismo e Inovação 50 10 60
Português, conteúdo e metodologia I 60 0 60
Ciências, conteúdo e metodologia 60 0 60
Optativa I 40 40 80
Estágio Supervisionado Obrigatório II – Ensino Fundamental (*) 0 140 0
SUB-TOTAL 270 180 450

PERÍODO

DISCIPLINAS Teoria Prática Total
VII Responsabilidade sócio-ambiental 50 10 60
Matemática, conteúdo e metodologia II 50 10 60
Português, conteúdo e metodologia II 50 10 60
Opativa II 40 40 80
Estágio Supervisionado Obrigatório III – Gestão Escolar 0 130 130
Métodos e técnicas de pesquisa 60 0 60
SUB-TOTAL 250 240 490

PERÍODO

DISCIPLINAS TEORIA PRÁTICA TOTAL
VIII Línguagem Brasileira de Sinais – LIBRAS 50 10 60
Fundamentos e Metodologias da Educação de Jovens e Adultos 50 10 60
Educação e diversidade 50 10 60
Trabalho de Conlusão de Curso – TCC 40 20 60
 Optativa III 40 40 80
Atividades de iniciação a pesquisa, extensão e monitoria 200 0 200
SUB-TOTAL 430 90 520

Carga horária de integralização do curso: 3.220 h

Disciplinas Optativas do Curso de Pedagogia

 Disciplinas Optativas do Curso de Pedagogia da Faculdade do Sertão Central – FASEC

Disciplinas Teoria Prática Total
Produção e avaliação de material didático 40 40 80
Novos paradigmas da Educação Básica 40 40 80
Educação e meio ambiente 40 40 80
Violência na Escola e o Cotidiano do Professor 40 40 80
Teatro na Escola 40 40 80
Educação sexual 40 40 80

O curso de Licenciatura em Pedagogia (Formação Inicial) Da Faculdade do Sertão Central – FASEC terá a carga horária mínima de 3.220 horas de efetivo trabalho acadêmico, assim distribuídas conforme os núcleos de estudos orientados pelas diretrizes curriculares para a formação de professores:

  1. 2.220 horas dedicadas às atividades formativas como assistência a aulas, realização de seminários, participação na realização de pesquisas, consultas a bibliotecas e centros de documentação, visitas a instituições educacionais e culturais;
  2. 400 horas dedicadas ao Estágio Supervisionado Obrigatório prioritariamente em Organização, gestão e supervisão do ambiente escolar, Educação Infantil, nos anos iniciais do Ensino Fundamental;
  • 400 horas são dedicadas às atividades práticas de diferente natureza, participação em grupos cooperativos de estudos;
  1. 200 horas de atividades teóricas-práticas de aprofundamento em áreas específicas de interesse dos alunos, por meio, da iniciação científica, da extensão e da monitoria.
Periódicos Pedagogia

01. REVISTA BRASILEIRA DE ESTUDOS PEDAGÓGICOS

A Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos (RBEP), criada em 1944, é um periódico quadrimestral, publicado em formato impresso e eletrônico. A RBEP publica artigos inéditos, resultantes de pesquisas que apresentem consistência, rigor e originalidade na abordagem do tema e contribuam para a construção do conhecimento na área de Educação. A RBEP também publica relatos de experiência e resenhas. A RBEP não aceita textos que tenham sido enviados concomitantemente a outras revistas e que não atendam a princípios éticos de pesquisa. Seu público-leitor é formado por professores, pesquisadores e alunos de graduação e pós-graduação, técnicos e gestores da área educacional.

ISSN 2176-6681

QUALIS: B2

ACESSO:

http://rbep.inep.gov.br/index.php/rbep/about/editorialPolicies#focusAndScope

02. REVISTA DE PEDAGOGIA UFMT

A Revista Pedagogia – UFMT é uma publicação do Grupo PET-Educação da Universidade Federal de Mato Grosso e conta com a participação de professores e estudantes do Instituto de Educação, especialmente do Curso de Pedagogia. Tem como objetivo o fomento, análise e divulgação de produções acadêmicas de professores e estudantes de graduação e pós-graduação no campo da Educação, propiciando a articulação entre os diferentes cursos e suas atividades de ensino, pesquisa e extensão.

ISSN 1984-0292

QUALIS: B1

ACESSO:

http://www.revistapedagogiaufmt.com/about2

03. ESPAÇO PEDAGOGIA

A revista Espaço Pedagógico é uma publicação científica do Programa de Pós- Graduação em Educação (PPGEDU) e da Faculdade de Educação (FAED) da Universidade de Passo Fundo/RS (UPF/RS), apresentada em versão impressa e em versão online. Foi criada em 1994, com periodicidade anual até 1998, passando a ser semestral no ano de 1999, condição que mantém até hoje. Publica trabalhos originais e inéditos em português e espanhol, resultantes de estudos teóricos, pesquisas, reflexões sobre experiências pedagógicas, entrevistas com educadores, traduções e resenhas críticas de obras que abordem temas relevantes na área da educação.

ISSN 2238-0302

QUALIS:

ACESSO: http://seer.upf.br/index.php/rep

04. PEAGOGIA DIGITAL

O ensino presencial e a educação a distância (EAD) geralmente usam semelhantes padrões de comunicação. Este modelo é chamado pedagogia da transmissão. As tecnologias digitais permitem-nos introduzir mudanças profundas na educação, porém a tecnologia atual ainda é primitiva e comparável aos primórdios do cinema. No entanto, mesmo nesta fase ainda precoce da tecnologia digital, profundas mudanças no ensino podem ser feitas apenas desenvolvendo uma pedagogia adequada para a era digital, de maneira social e inclusiva. Por ser uma educação em contínua construção, esta pedagogia não pode focar apenas em hardware, software e conectividade. É necessário desenvolver uma pedagogia da comunicação e aprendizagem, modelos apropriados para um tempo marcado pelo caos, complexidade, incerteza, convergência da tecnologia, integração das linguagens e do uso de narrativas não-lineares. Mas isso não basta. É necessário, ao mesmo tempo, mudar a atitude dos gerentes, administradores, professores, estudantes e o contexto da aprendizagem. Para modificar o velho modelo de aprendizagem de transmissão por um modelo digital “interacionista”, é essencial pensar em formas alternativas de aprendizagem e ensino. É urgente pensar em outros modelos de universidade e em outros usos das tecnologias.

ISSN 1415-9902

QUALIS: B2

ACESSO: https://www.metodista.br/revistas/revistas-ims/index.php/EL/article/view/814

05. ESPAÇO PEDAGOGIA EM AÇÃO

Pedagogia em Ação é uma revista do Curso de Pedagogia da PUC Minas. Foi criada em 2009, como resposta ao anseio dos professores do curso em criar um espaço em que, além dos professores, fosse possível aos alunos a publicação das suas produções. Ela é apresentada na modalidade eletrônica, no Portal de Periódicos Eletrônicos da PUC Minas. A revista visa à publicação de artigos, comunicações, resenhas e resumos, são textos que expressam o trabalho de pesquisa do corpo docente e discente do Curso, com ênfase neste último, por carecer de espaço que acolha as suas produções. Os textos são submetidos à apreciação da Comissão Editorial e a parecer de avaliadores ad hoc. Na avaliação, são levadas em conta a relevância, a vinculação ao perfil de profissional formado pelo Curso, a metodologia empregada e a adequação às normas da ABNT expressas no Padrão PUC Minas de Normalização.

ISSN 2175-7003

QUALIS: B2

ACESSO: http://periodicos.pucminas.br/index.php/pedagogiacao

06. ENVOLVERDE

Trabalhos em pedagogia que utilizam ferramentas da tecnologia da informação e comunicação vão ser premiados pela Fundação Telefônica. Alunos e professores de qualquer escola podem inscrever seus blogs, trabalhos com o Google Does, canais de podcast ou de YouTube e usos didáticos das redes sociais. As inscrições estarão abertas até 2 de maio e os projetos podem ser entregues até 6 de junho. (Envolverde)

ISSN XXXX-XXXX

QUALIS: B3

ACESSO: http://envolverde.cartacapital.com.br/pedagogia/

07. CADERNO DA PEDAGOGIA

Os Cadernos da Pedagogia, publicação semestral da coordenação do curso de Pedagogia da Universidade Federal de São Carlos, objetiva difundir os trabalhos produzidos por docentes e discentes do curso de Pedagogia dessa instituição e demais instituições da região e do Brasil, e também de pesquisadores da área educacional. Acredita-se que o intercâmbio de idéias e experiências dos formadores de professores e futuros professores é imprescindível para a construção e consolidação de debates e embates profícuos a consolidação de uma educação de qualidade para as crianças brasileiras. Inaugura-se, assim, um novo espaço, abrindo páginas para docentes e alunos das graduações em Pedagogia divulgarem suas produções. Os Cadernos da Pedagogia apresentam-se como um periódico engajado com produção científica, com a formação e atualização dos educadores e com o processo ensino|aprendizagem. O conteúdo aqui apresentado é composto por relatos de pesquisa, estudo teórico e analítico, revisão crítica da literatura, trabalhos de conclusão de curso do curso de pedagogia, bem como relatos de experiência, resenhas e informativo. Subdivididos em quatro sessões: Artigos, Relatos de Experiências, Resumos de Trabalhos de Conclusão de Curso e Resenhas. Serão aceitos para publicação artigos inéditos de autores brasileiros e estrangeiros Excepcionalmente poderão ser publicados artigos de autores brasileiros ou estrangeiros editados anteriormente em livros e periódicos que tenham circulação restrita no Brasil.

ISSN 1982-4440

QUALIS: A1

ACESSO: http://www.cadernosdapedagogia.ufscar.br/index.php/cp

08. RTP

Publicação de artigos acadêmico- científicos, fomentando e facilitando o intercâmbio acadêmico no âmbito nacional e internacional.

ISSN 1809-449X

QUALIS: A2

ACESSO: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_serial&pid=1413- 2478&lng=pt&nrm=iso

09. EDUCAÇÃO: TEORIA E PRÁTICA

A Revista Educação: Teoria e Prática é uma publicação quadrimestral do Departamento de Educação/IB e do Programa de Pós-Graduação em Educação, da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP/Campus de Rio Claro. Constitui-se em importante instrumento para o diálogo crítico e discussão entre professores, pesquisadores, especialistas em educação e alunos que, ao longo de sua existência, foi fortalecendo sua vocação acadêmica no que concerne à produção de conhecimentos de cunho interdisciplinar, deslocando-se da inserção local, para regional, nacional, com vistas à inserção internacional. A revista contou com uma versão impressa de 1993-2010

ISSN 1981-8106

QUALIS: B1

ACESSO: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/educacao/index

10. EDUCAÇÃO

A revista Educação é uma publicação científica da Faculdade de Educação, sob a responsabilidade do Programa de Pós-Graduação em Educação da PUCRS. Tem como propósito divulgar a produção científica original de pesquisadores brasileiros e estrangeiros, propiciando um diálogo entre os diferentes campos da educação. Publica artigos e ensaios inéditos, resenhas, entrevistas, traduções, entre outras contribuições acadêmicas. É editada desde 1978 e tem periodicidade quadrimestral.

ISSN 0101-465X

QUALIS: A2

ACESSO: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/educacao/index

11. REVISTA BRASILEIRTA DE HISTORIA DA EDUCAÇÃO

A Revista Brasileira de História da Educação (RBHE) é a publicação oficial da Sociedade Brasileira de História da Educação (SBHE). Sediada atualmente na Universidade Estadual de Maringá e publicada trimestralmente, a RBHE tem o objetivo de divulgar a produção científica nacional e internacional sobre História e Historiografia da Educação, que se revele de interesse para as grandes áreas de pesquisa em Educação e em História, abrindo novos horizontes de discussão e estimulando debates interdisciplinares.

ISSN 2238-0094

QUALIS: A1

ACESSO: http://www.rbhe.sbhe.org.br/index.php/rbhe

12. EDUCAÇÃO EM REVISTA

Contribuir para a divulgação de conhecimento científico no campo da educação, produzido por pesquisadores (as) de universidades e instituições de pesquisa do Brasil e do exterior. A revista publica em fluxo contínuo artigos originais de diferentes perspectivas teóricas e metodológicas, que contribuam efetivamente para o debate acadêmico sobre as várias dimensões da educação.

ISSN 1982-6621

QUALIS: A1

ACESSO: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_serial&pid=0102- 4698&lng=pt&nrm=iso

13. ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE PSICOLOGIA

Tem por objetivo publicar artigos inéditos na área de psicopedagogia, em especial: resultados de pesquisa de caráter teórico/empírico; revisões críticas da literatura de pesquisa educacional temática ou metodológica e reflexões críticas sobre experiências pedagógicas que ampliem e aprofundem o conhecimento na área e que não tenham sido publicados em outros periódicos. A Revista Psicopedagogia utiliza as normas Vancouver.

ISSN 0103-8486

QUALIS: B1

ACESSO: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_serial&pid=0103- 8486&lng=pt&nrm=iso

14. LINGUAGEM E DISCURSO

Linguagem em (Dis)curso (Impr.) é uma publicação quadrimestral, aberta a colaboradores do Brasil e do exterior que estejam interessados em questões relativas ao campo textual-discursivo.

ISSN 1982-4017

QUALIS: B2

ACESSO: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_serial&pid=1518- 7632&lng=pt&nrm=iso

15. REVISTA LUSÓFONA DE EDUCAÇÃO

Linguagem em (Dis) curso (Impr.) é uma publicação quadrimestral, aberta a colaboradores do Brasil e do exterior que estejam interessados em questões relativas ao campo textual-discursivo.

ISSN XXXX-XXXX

QUALIS: B1

ACESSO: http://revistas.ulusofona.pt/index.php/rleducacao

16. REVISTA BRASILEIRA DE HISTORIA DA EDUCAÇÃO

A Revista Brasileira de História da Educação (RBHE) é a publicação oficial da Sociedade Brasileira de História da Educação (SBHE). Sediada atualmente na Universidade Estadual de Maringá e publicada trimestralmente, a RBHE tem o objetivo de divulgar a produção científica nacional e internacional sobre História e Historiografia da Educação, que se revele de interesse para as grandes áreas de pesquisa em Educação e em História, abrindo novos horizontes de discussão e estimulando debates interdisciplinares.

ISSN 2238-0094

QUALIS: B2

ACESSO: http://www.rbhe.sbhe.org.br/index.php/rbhe

17. REVISTA DE EDUCAÇÃO – PUC CAMPINAS

É uma publicação editada pelo Programa de Pós-Graduação em Educação, Centro de Ciências Humanas e Sociais Aplicadas da Pontifícia Universidade Católica de Campinas. Destina-se à divulgação de resultados de pesquisas inéditas da comunidade científica nacional e internacional para incentivar debates atuais e relevantes para a área da Educação.

ISSN 2318-0870

QUALIS: B1

ACESSO: http://periodicos.puc-campinas.edu.br/seer/index.php/reveducacao

18. PSICOLOGIA TEORIA E PESQUISA

Publicar trabalhos originais na área de psicologia.

ISSN 1806-3446

QUALIS: B3

ACESSO: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_serial&pid=0102- 3772&lng=pt&nrm=iso

19. PSICOLOGIA TEORIA E PESQUISA

This journal is unique in that it provides a forum devoted to the interdisciplinary study of language and communication. The investigation of language and its communicational functions is treated as a concern shared in common by those working in applied linguistics, child development, cultural studies…

ISSN 0271-5309

QUALIS: B1

ACESSO: https://www.journals.elsevier.com/language-and-communication/

20. REVISTA PSICOLOGIA, DIVERSIDADE E SAÚDE

A revista reúne textos originais, em língua portuguesa, inglesa e espanhola, resultantes de pesquisa empírica, estudos teóricos, relatos de experiência profissional, no campo da psicologia e em suas interfaces com as ciências humanas, a educação e as ciências da saúde. Dessa forma promove o desenvolvimento científico, teórico e metodológico da psicologia como ciência e profissão, em seus diversos campos de atuação e processos de trabalho, voltada para o desenvolvimento da sociedade.

ISSN 2317-3394

QUALIS: B2 ACESSO:

https://www5.bahiana.edu.br/index.php/psicologia/about/editorialPolicies#sectionPolici es

21. BVS PSICOLOGIA BRASIL

Index Psi Periódicos Técnico-Científicos, Index Psi Divulgação Científica, Index Psi TESES, Index Psi LIVROS

ISSN XXXX-XXXX

QUALIS: B1

ACESSO: http://www.bvs-psi.org.br/php/index.php

22. BVS PSICOLOGIA BRASIL

Lo histórico y lo filosófico en la formación de docentes de educación superior tecnológica.

Manuel Ernesto Hernández Orta y Aurora Adriana Lugo García

ISSN 1870-1411

QUALIS: B1

ACESSO: http://www.odiseo.com.mx

23. BVS PSICOLOGIA BRASIL

Se propone, asimismo, la pedagogía del ciberespacio como teoría de enseñanza y aprendizaje que permite ubicar estrategias para el procesamiento de datos e información, conocimientos y aprendizajes de los lenguajes o narrativas virtuales que se encuentran de manera natural la red internet y entornos digitales.

ISSN 2555-5919

QUALIS: B2

ACESSO: http://revista-redes.hospedagemdesites.ws/index.php/revista- redes/article/view/406

24. PEDAGOGIA DE PESQUISA

No passado, acreditava-se que terminada a graduação, o profissional estaria apto a atuar em sua área por toda vida. Hoje não é essa a realidade, sobretudo para o profissional docente. Esse deve ter consciência de que sua formação é permanente e ocorre também em seu dia a dia de sala de aula. A reflexão sobre projetos bem sucedidos no ensino-aprendizagem de inglês é uma forma de contribuir para a formação de professores crítico-reflexivos que se instrumentalizam, se atualizam e evoluem continuamente como profissionais e como pessoas. A renovação e a reinvenção diária da prática docente por meio de trabalho com projetos é o foco deste artigo, que se propõe a apresentar projetos desenvolvidos em unidades FATEC, visando à expansão do vocabulário e ao aperfeiçoamento das habilidades dos alunos, buscando tornar a aprendizagem discente cada vez mais autônoma e real. As propostas dos projetos desenvolvidos estão relacionadas a: expansão vocabular e gramatical, desenvolvimento da habilidade oral e aperfeiçoamento da escrita, de forma integrada e sempre aproveitando o potencial das TIC. A pesquisa encontra respaldo teórico sobre a pedagogia de projetos em John Dewey (1910), Fernando Hernandez (2000), Nilbo Nogueira (2001), Richards (2006), Vygotsky (2006), Simões (2008), bem como em Abeysekera & Dawson (2015). Os resultados mostram que uma visão integrada de educação escolar no contexto atual fortalece a autoestima dos alunos e os auxilia a desenvolver a consciência sobre o próprio processo de aprendizagem, por estarem envolvidos em atividades de interação social que se aproximam de temas e situações reais. Esta investigação tem permitido constatar que os alunos que participam de tais projetos têm se tornado mais autônomos e mais responsáveis pela própria aprendizagem, melhorando seu vocabulário e suas habilidades orais e escritas na língua inglesa.

ISSN 2526-4478

QUALIS: B2

ACESSO: https://revista.cbtecle.com.br/index.php/CBTecLE/article/view/25

25. REVISTA CIENTIFICA

A Faculdade Integrado edita cinco Revistas Científicas Eletrônicas que publicam resenhas, relatos de casos, revisões de literatura, artigos originais, entre outras modalidades. As publicações envolvem diversas áreas do conhecimento.

ISSN XXXX-XXXX

QUALIS: B1

ACESSO: http://www.grupointegrado.br/pesquisa/revistas-cientificas

26. REVISTA DIGITALES

>A Faculdade Integrado edita cinco Revistas Científicas Eletrônicas que publicam resenhas, relatos de casos, revisões de literatura, artigos originais, entre outras modalidades. As publicações envolvem diversas áreas do conhecimento.

ISSN XXXX-XXXX

QUALIS: B1

ACESSO: http://www.grupointegrado.br/pesquisa/revistas-cientificas

27. REVISTA DE INVESTIGACIÓN EDUCATIVA

Revista de Investigación Educativa (RIE) está auspiciada por la Asociación Interuniversitaria de Investigación en Pedagogía (AIDIPE), cuya sede social está en Barcelona. AIDIPE también edita, en formato electrónico, la Revista Electrónica de Investigación y Evaluación Educativa (RELIEVE).

ISSN 0212-4068

QUALIS: A1

ACESSO: http://revistas.um.es/rie

Back To Top